A praça Tiradentes

A praça Tiradentes

A praça Tiradentes está localizada no centro de Curitiba. É a mais antiga praça da cidade, sendo considerada seu marco zero. Reza a lenda que o local foi escolhido pelo cacique Tidiquera, chefe da tripo Tingui, para ser morada dos primeiros habitantes da região
Para simbolizar o poder do rei foi posta a Cruz de Cristo, que ainda está lá nos dias atuais. O monólito foi inaugurado em 20 de março de 1963.

Na praça também  está o Marco Zero da cidade, que é um marco para referências geodésicas, de onde se baseia todas as medidas de distancia da cidade e sua posição de nível do mar.

História da praça

praca-tiradentes-antiga
praca-tiradentes-antiga

Há tempos a praça era conhecida como Largo da Matriz, por abrigar a pequena capela em torno da qual se desenvolveu a Vila Nossa Senhora da Luz e Bom Jesus dos Pinhais. No mesmo local da antiga capela está hoje a Catedral Metropolitana de Curitiba. Em 1880, quando da visita do imperador ao Paraná, o Largo da Matriz mudou seu nome para Largo Dom Pedro II e em 1889 passou a denominar-se, Praça Tiradentes. Na praça tem uma grande quantia de bustos de personagens importantes da história do Brasil como Marechal Floriano Peixoto, Getúlio Vargas  e Tiradentes, esta última de João Turin.

Reforma da Praça Tiradentes

Em 1994 a praça foi reformada para poder abrigar algumas linhas de onibus e estações tubo dos onibus ligeirinho. Em 2008 foram encontradas calçamentos de cunho arqueológico, datados da metade do século XIX; após uma grande reforma, a praça foi inaugurada, com um projeto de revitalização para dar visibilidade aos achados. No meio da praça, onde foi encontrada a calçada histórica mais importante, foi feito um trecho de 119 metros quadrados de piso de vidro laminado, sustentado por uma estrutura metálica, e uma iluminação especial foi instalada dentro do vidro para destacar a calçada.

 

A estátua de Tiradentes foi removida para os serviços de manutenção, e neste processo, foi descoberto uma garrafa no vão livre do seu pedestal, que aberta por técnicos especialistas, descobriu-se conter uma carta, escrito pelo próprio escultor, indicando que no local original do monumento, removida de lugar em 1932, existe uma cápsula do tempo contendo a primeira página do jornal “O Dia”, de 21 de abril de 1927 e algumas moedas da época. Além deste documento, dentro da garrafa também estava uma moeda de 100 réis.

 

A praça Tiradentes fica a cerca de 1 km da rua das flores, outro importante ponto turístico de Curitiba. Você pode conhecer a Rua das Flores, a praça Tiradentes e muitos outros pontos de Curitiba utilizando a linha turismo. Conheça Curitiba.

 

Fonte wikipedia e prefeitura de Curitiba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *